Reinado continua! Juninho já decidiu que vai ficar

Agente do jogador chegará no Rio de Janeiro nos próximos dias para acertar últimos detalhes

Bruno Braz e Rodrigo Ciantar - 06/12/2011 - 07:02 Rio de Janeiro (RJ)

Galeria Vasco x Avaí - 12 (Foto: Paulo Sergio)

Pode comemorar, torcida vascaína: O Reizinho fica na Colina. Juninho recusou proposta para retornar ao Qatar e, até o fim desta semana, seu agente, José Fuentes, chegará ao Rio de Janeiro para acertar tudo. Recentemente, o jogador teve conversas superficiais com dirigentes do clube, mas já avisou que quer ficar. O acordo teria fim em dezembro deste ano.

Na reunião será discutido o formato do novo contrato, que, desta vez, não terá apenas um salário mínimo por mês (R$ 545). Os valores, porém, também não serão astronômicos e estarão dentro da realidade financeira do clube. Mas seu representante ainda aguarda pela proposta cruz-maltina.

O vínculo deverá ser firmado até o fim da Copa Libertadores, podendo ser estendido até dezembro. Há a possibilidade de que no contrato conste novamente uma premiação por metas, como em caso de título da própria competição intercontinental, por exemplo. Vale lembrar que, quando Juninho acertou seu retorno ao clube, ficou definido que receberia um valor em dinheiro se o time ficasse entre os quatro primeiros do Brasileirão. Meta atingida.

Nas últimas semanas, dirigentes do Cruz-Maltino já mostravam otimismo quanto a renovação do contrato de Juninho, apesar de certa indefinição até então. No domingo, após a partida contra o Flamengo, pela última rodada do Campeonato Brasileiro Rodrigo Caetano, diretor executivo de futebol do clube, destacou que a permanência dependia muito da vontade do próprio jogador. Algo que, ao que parece, não será problema algum.

Nos próximos dias, Juninho vai aproveitar as férias com seus familiares no Recife, sua cidade natal. Depois, volta ao Rio somente para se reapresentar com o restante do grupo, para a pré-temporada.

Diferenças entre os contratos

 Contrato atualNovo contrato
TempoJuninho acertou seu retorno com um contrato de apenas seis meses, que termina em dezembro deste ano.

O novo acordo também deverá ser de apenas seis meses, com término logo após a partida final da Copa Libertadores. Mas há a possibilidade de um prazo maior, até o fim do ano.

ValoresComo havia certa dúvida se conseguiria voltar a jogar em alto nível, Juninho propôs receber mensalmente o valor simbólico de um salário mínimo (R$ 545).

Agora, o contrato não será de apenas um salário mínimo, mas os valores também não serão muito altos e estarão dentro da realidade financeira do Vasco.

PremiaçãoFoi acertado que o jogador receberia uma premiação em dinheiro em caso de título ou boa colocação no Campeonato Brasileiro. O Vasco terminou em segundo lugar. Ainda não foi definido, mas no novo acordo também poderá ter premiação por metas.

Físico de Juninho surpreendeu no ano

Quando Juninho fechou com o Vasco, houve certa desconfiança se ele aguentaria o ritmo do futebol brasileiro por conta da idade (36 anos) e por ter vindo do Qatar, onde há menos exigência física e menos partidas durante a temporada. Mas o jogador surpreendeu.

Desde que reestreou, em julho deste ano, contra o Corinthians, o Reizinho ficou fora de poucas partidas do time, a maioria delas por opção da comissão técnica de poupar titulares, como aconteceu na Copa Sul-Americana, por exemplo.

Para se ter uma ideia, por lesão, Juninho ficou fora de apenas quatro jogos. O volante sentiu um problema na panturrilha esquerda. Quando estava próximo do retorno, sentiu problema parecido na direita. Além disso, não teve nenhum outro problema muscular mais grave, apesar da sequência.

– Juninho nos surpreendeu mais quando chegou ao clube. Apareceu em ótimas condições físicas, no peso, precisando só de um polimento, até ganhar ritmo. Neste final de temporada, já conhecíamos o atleta. Ele se cuida muito bem, é um excelente profissional. No ano que vem, com a pré-temporada, terá um acréscimo de produção – destacou o fisiologista do Cruz-Maltino, Daniel Gonçalves.

Você comentarista: