Seleção holandesa faz primeiro treino no Brasil

Jogadores esperam um Brasil revanchista no amistoso do próximo sábado

LANCEPRESS! - 31/05/2011 - 21:44 Rio de Janeiro (RJ)

Treino da Holanda na Gavea (Foto: Joana Bueno)

Depois de desembarcar no Rio de Janeiro na manhã desta terça-feira e passear pela praia de Ipanema, a seleção holandesa fez seu primeiro treino em solo brasileiro na parte da tarde, no clube do Flamengo. Sem contar com o carrasco do Brasil na Copa, o meia Sneijder, da Inter de Milão, a Holanda se prepara para o amistoso contra a Seleção Brasileira neste sábado, no Estádio Serra Dourada, em Goiânia. A partida reedita o confronto das quartas de final do Mundial da África do Sul, em que, depois de ser derrotado, de virada, por 2 a 1, o Brasil se despediu da competição e do sonho do Hexa.

Cansados da longa viagem, os holandeses fizeram apenas um treino leve, com corrida, alongamentos e movimentação com bola,
além de algumas finalizações. O técnico Bert van Marwijk não deu entrevistas, mas não deve inovar na escalação da equipe que enfrenta o Brasil.

No treino da Holanda, kuyt revela desejo de vencer o Brasil em casa



Além de Sneijder, outras ausências são o meia Van der Vaart, o volante Van Bommel e o goleiro Stekelemburg, que será substituído pelo jovem Krul, destaque do inglês Newcastle nesta temporada. Na linha de frente, Van Persie, que na Copa jogou como centroavante e deixou a desejar, deve ser recuado, ocupando avaga de Sneijder, ao lado de Kuyt e Robben, enquanto Huntelaar é a opção mais provável no ataque.

- Não temos alguns dos nosso melhores jogadores, que estão machucados, após uma longa temporada. Mas acho que ainda temos um elenco muito bom, com jogadores muito bons, incluindo o Robben. Também temos jogadores jovens muito talentosos e ainda podemos montar um time muito bom para o jogo contra o Brasil. Todo mundo está muito feliz em estar aqui - declarou Kuyt, atacante do Liverpool.

As novidades em relação à equipe que conquistou o vice-campeonato mundial são o lateral esquerdo Pieters, do PSV, e o meio-campista Afellay, que acaba de se sagrar campeão europeu pelo Barcelona.

- Acho que melhoramos como um time desde a Copa. Temos mais ou menos os mesmos jogadores. É uma pena que nem todos estejam aqui hoje, mas ainda temos uma equipe muito boa. Afellay, por exemplo, foi do PSV para o Barcelona. Todos melhoraram, então espero que possamos jogar ainda melhor agora do que fizemos na Copa do Mundo - analisou Kuyt.

Apesar de se tratar de um amistoso, os holandeses estão esperando um Brasil com sede de vingança, após a eliminação da Copa.

- O Brasil precisa vencer, é claro. Derrotamos ele antes e esperamos derrota-los novamente - disse Krul.

– Queremos derrotar o Brasil de novo, pois não há nada melhor que vencer um dos melhores times do mundo. Mas obviamente, posso imaginar que eles querem vingança – afirmou Kuyt.

Você comentarista: