Felipão deixa R10 e Kaká fora e chama Bernard para Copa das Confederações

Relação também serve para amistosos contra Inglaterra e França; Seleção se reapresenta no dia 27 de maio no Rio de Janeiro, um dia após a primeira rodada do Brasileiro

Eduardo Mendes e Igor Siqueira - 14/05/2013 - 11:50 Rio de Janeiro (RJ)


Fim do mistério. A Seleção Brasileira está convocada para a Copa das Confederações e o garoto Bernard, do Atlético-MG, desbancou Ronaldinho Gaúcho e Kaká. O anúncio foi feito nesta terça-feira pelo técnico Luiz Felipe Scolari, em um hotel de Copacabana, Rio de Janeiro. A lista também vai servir para os amistosos contra Inglaterra e França.

MAIS:
- Scolari não explica ausência de Ronaldinho da lista e prioriza renovação
- Felipão tranquiliza clubes: convocados na Libertadores serão liberados
- Scolari não convocou para agradar: 'O pau comeria do mesmo jeito'
- Felipão diz que convocação de Bernard para a Seleção não foi suspresa
- Seleção da Copa das Confederações vale R$ 1,16 bilhão; Neymar no topo
- Imprensa internacional destaca ausências de Kaká e Ronaldinho na lista
- Surpresas e 'certezas' da lista comemoram convocação nas redes sociais
- Fred encara peso da 9 na Seleção com naturalidade: 'Minha função é fazer gols'
- Após convocação, Bernard agradece aos companheiros de Galo e a Cuca
- Convocado, Jefferson afirma: 'Vou dar dor de cabeça ao Felipão'
- Jean garante que está preparado para atuar na lateral-direita da Seleção
- Mesmo fora da Europa, Réver comemora futebol que o levou à Seleção
- Na Colômbia, Fernando festeja chamado: 'Melhor fase da minha vida'

BLOGS:
- Beting: 'Geração é ótima, mas muito jovem. Precisa de gente experiente'
- Benja: 'E o Mano Menezes quando convocou Jádson e Hulk, o mundo caiu...'

OPINE:
- Você concorda com a ausência de Ronaldinho na lista de Felipão?

GALERIAS:
- ROLA LÁ FORA: Veja como a imprensa mundial noticiou a lista de Felipão
- Veja os perfis dos convocados para a Copa das Confederações

- Neste momento, não somos um clube, um estado. Somos o Brasil. Estamos convocando de acordo com as nossas convicções, o que entendemos ser o caminho certo para a nossa Seleção - afirmou Felipão.

Ronaldinho vestiu a camisa 10 e foi o capitão da Seleção no amistoso contra o Chile, no último dia 24 de abril, no Mineirão, quando Felipão convocou apenas jogadores que atuam no Brasil. Porém, o meia-atacante chegou 27 minutos atrasado à apresentação, marcada para as 22h do dia 22, mesmo morando em Belo Horizonte.

Outras ausências sentidas na lista são a do volante Ramires, do Chelsea, preterido por Luiz Gustavo, reserva do Bayern de Munique; e a do atacante Alexandre Pato, que vem sendo reserva do Corinthians nos últimos jogos. Hulk, do Zenit, e Leandro Damião, do Inter, fazem companhia a Fred e Neymar no setor de ataque.

O presidente da CBF, José Maria Marin, também pediu união em torno da amarelinha.

- Acredito que essa seja a convocação mais importante da Seleção desde que chegamos à presidência. Faço um apelo: estamos voltados para o preparo da Seleção. É tempo de Seleção e não de eleição. No maior respeito a todos, pediria que todo nosso trabalho, atenção, fosse voltado à Seleção - afirmou Marin, que ainda garantiu Felipão em 2014:

- Renovamos mais uma vez a total confiança no Scolari e no Parreira, que ficará conosco, se Deus quiser, até 2014, para fazermos um trabalho com a maior segurança e confiança. Insisto que eles têm total liberdade na convocação e escalação da Seleção.

Os jogadores vão se apresentar no dia 27 de maio, no Rio de Janeiro, um dia após a primeira rodada do Campeonato Brasileiro. Os clubes com jogadores convocados ficarão desfalcados por quatro rodadas.

O Brasil estreia na Copa das Confederações no dia 15 de junho, contra o Japão, em Brasília. Depois, enfrenta México, dia 19, em Fortaleza; e Itália, dia 22, em Salvador. Antes, a Seleção fará dois amistosos, contra Inglaterra, dia 2, no Maracanã; e França, dia 9, na Arena do Grêmio.

A LISTA:

Goleiros: Diego Cavalieri (Fluminense), Jefferson (Botafogo) e Julio César (QPR)
Laterais:
Daniel Alves (Barcelona), Filipe Luis (Atlético de Madrid), Marcelo (Real Madrid) e Jean (Fluminense)
Zagueiros:
David Luiz (Chelsea), Dante (Bayern de Munique), Réver (Atlético-MG) e Thiago Silva (PSG)
Meias:
Fernando (Grêmio), Hernanes (Lazio), Luiz Gustavo (Bayern de Munique), Oscar (Chelsea), Paulinho (Corinthians), Jadson (São Paulo) e Bernard (Atlético-MG)
Atacantes:
Fred (Fluminense), Hulk (Zenit), Lucas (PSG), Neymar (Santos) e Leandro Damião (Internacional)

Você comentarista: