São Paulo pede empréstimo de Dudu, mas Dínamo só aceita vender

Clube tem só até a próxima sexta-feira para sacrementar a negociação. Ney Franco rasga elogios e já aprovou o reforço

Eduardo Mendes
Gabriel Saraceni
- 16/07/2012 - 08:02 São Paulo (SP)

Dudu - Cruzeiro (Foto: Washington Alves/VIPCOMM)

O grupo de investidores que pode ajudar o São Paulo a trazer o meia-atacante Dudu já ouviu uma primeira resposta do Dínamo de Kiev (UCR) sobre a possibilidade de negociação. No último domingo, o Tricolor confirmou interesse no jovem de 20 anos. 

Os ucranianos rejeitaram a primeira oferta de 500 mil euros (R$ 1,250 milhão) por um ano de empréstimo, com valor fixado para compra após o término. O clube quere vendê-lo e o preço são os mesmos 5 milhões de euros (R$ 12,5 milhões) pagos em agosto do ano passado ao Cruzeiro. Na época, a promessa teve problemas e não queria sair de Minas Gerais. 

Receba primeiro as notícias do São Paulo no seu celular!

O Tricolor tem pressa, mas esbarra em dificuldades. Além de fechar o negócio com o Dínamo, depois precisa acertar as bases salariais com o jogador, o que ainda não aconteceu. Segundo Daniel Pereira, empresário do atleta, ele ainda ñao foi procurado para tratar deste assunto e aguarda uma definição para ser comunicado.

O São Paulo tem só até a próxima sexta-feira, quando se fecha a janela de transferências para chegada de reforços do exterior, para concretizar o negócio. O ténico Ney Franco, que já trabalhou com Dudu no Coritiba e na Seleção Brasileira Sub-20, aprova a contratação:

- Pedi para conhecer o elenco e passar pelo primeiro jogo. Temos de estudar bem este período e ficar atentos. Se possível, achar oportunidades de trazer alguém que pode ajudar. Pensamos dessa forma. O Dudu eu conheço, a diretoria me perguntou se interessava e me interessa na parte técnica. Foi campeão comigo no Coritiba, no sub-20 e conheço bem. Pode dar opção como segundo atacante ou meia de ligação.

Com a provavél saída de Fernandinho, que vai para o Al-Jazira (EAU), e com Lucas assediado por Europeus e fora enquanto estiver com a Seleção Brasileira na Olimpíada, Dudu chegaria como opção para os dois setores. Jovem, teria potencial para crescer no clube.

Você comentarista: