Com pé calibrado, Leandro faz dois e Verdão vence o Botafogo-SP

Autor do gol no empate na última rodada, camisa 38 balança a rede em duas oportunidades. O beque André Luiz estreou, mas Henrique e Kleber deixaram o campo machucados

LANCEPRESS! - 20/03/2013 - 21:24 São Paulo (SP)

Imagina a alegria do senhor Carlos Alberto de Moura (leia aqui a história completa)? Filho de Carlos, palmeirense fanático, o atacante Leandro pôde dar mais um grande presente ao seu pai e à torcida do Verdão. Com o pé calibrado, o camisa 38 marcou os dois gols do Alviverde na vitória de 2 a 0 sobre o Botafogo-SP, nesta quarta-feira, no Pacaembu, pela 13ª rodada do Paulistão Chevrolet. Leandro marcou os últimos três gols da equipe no Estadual.

As baixas ficam por conta de Henrique e Kleber, que saíram machucados e podem desfalcar o Verdão no clássico contra o Santos, no próximo domingo, no Pacaembu.

Com o resultado, o Palmeiras chega aos 24 pontos e ultrapassa o Botafogo-SP, que ficou com os 22.

O JOGO

No centésimo jogo do Palmeiras como mandante desde a última partida no Palestra Itália - ainda fechado para reformas -, os mais de quatro mil torcedores que compareceram ao Pacaembu tiveram de se agasalhar para encarar a fria noite da capital paulista. O técnico Gilson Kleina modificou a equipe alviverde, deu oportunidades a jogadores que haviam sendo pouco utilizados e deixou fora outros titulares, caso de Marcelo Oliveira, substituído por Juninho. Com isso, armou o time com quatro volantes no meio de campo, deu liberdade aos laterais, promoveu a estreia de Léo Gago como titular e deu mais uma chance ao atacante Leandro.

Estreando um uniforme retrô, que remete à década de 40, parecido com o da seleção peruana, o Botafogo-SP veio a campo e foi pressionado pelo Verdão nos primeiros minutos. Com a colaboração do goleiro Rafael, que engoliu um frango, o atacante Leandro, palmeirense desde a infância por conta do fanatismo do pai,  tirou o zero do marcador, com um chute de longe, no meio do gol, logo aos 5 minutos.

O Alviverde manteve o ímpeto, com boas trocas de passes e movimentação, deixando o Botafogo-SP acuado e sem opções de saída de bola. Mas, em um minuto, duas baixas  no Verdão: Henrique sentiu dores no músculo posterior da coxa e teve de dar lugar ao estreante André Luiz. No lance seguinte foi a vez de Kleber, que sentiu uma tendinite no joelho direito, dar lugar a Caio. Os dois, de acordo com os médicos do clube, preocupam.

Os visitantes arriscaram só nos últimos cinco minutos. Nunes, livre de marcação, perdeu boa chance de cabeça. Na sequência, o clube do interior tentou em cobranças de faltas, mas não alterou o marcador.

Do mesmo jeito que começou o primeiro tempo, a história se repetiu no segundo e o Palmeiras foi às redes logo no início, aos 2 minutos. Após cobrança de escanteio pelo lado direito, a bola sobrou para Leandro, que limpou a marcação com drible de corpo e emendou um forte chute. No lance, o goleiro Rafael só viu a bola indo em direção ao gol e o atacante em direção à torcida.

Com a vantagem no placar, o Palmeiras passou a trabalhar melhor a bola e jogar com as linhas mais próximas. Já o Botafogo-SP só conseguiu chegar com chutes de longa distância, mas o goleiro Fernando Prass estava ligado. Após o gol sofrido diante do São Caetano, no qual afirmou que não viu a bola chegando, fez treinos com um obstáculo em sua frente na semana e, nesta quarta-feira, foi testado e conseguiu boas interceptações.

Satisfeito com o resultado, a equipe alviverde passou a "cozinhar" o jogo e diminuiu o ímpeto, esperando apenas o apito final do árbitro.

PRÓXIMOS JOGOS

O Palmeiras voltará a campo no próximo domingo quando receberá o Santos, no do Pacaembu, às 16h. Já o Pantera encarará o Linense, no sábado, em casa, às 16h.

FICHA TÉCNICA

PALMEIRAS 2 X 0 BOTAFOGO-SP

Local: Pacaembu, São Paulo (SP)
Data/Hora: 20/3/2013 - 19h30
Árbitro: Aurélio Santanna Martins (SP)
Assistentes: Marco Antônio Gonzaga da Silva e David Botelho Barbosa

Renda/Público: R$ 109.575 / 4.160 pagantes
Cartões Amarelos: Weldinho e Léo Gago (PAL); Danilo Bueno e André (BOT)
Cartões Vermelhos:
-
GOLS:
Leandro, aos 5'/1ºT (1-0) e Leandro, aos 2'/2ºT (2-0)

PALMEIRAS: Fernando Prass, Weldinho, Vilson, Henrique (André Luiz, 34'/1ºT) e Juninho; Charles (Patrick Vieira, 30'/2ºT), Márcio Araújo, Léo Gago e Wesley; Leandro e Kleber (Caio, 36'/1ºT). Técnico: Gilson Kleina.

BOTAFOGO-SP: Rafael, Daniel Borges, César Gaúcho, Igor e Preto Costa; Gilmak, Zé Antônio (André, 7'/2ºT), Danilo Bueno (Otacílio Neto, 28'2ºT) e Fábio Gama; Nunes e Francis (Douglas Packer, 27'/2ºT). Técnico: Marcelo Veiga.

Você comentarista: