Talismã, Mazinho é ‘o melhor’ atacante do Palmeiras

Desde sua estreia, camisa 17 se tornou o artilheiro do Verdão e principal arma na Copa do Brasil. Agora, quer ser titular

Guilherme Cardoso
Leonardo Blecher
- 20/06/2012 - 07:02 São Paulo (SP)

Palmeiras x Paraná - Copa do Brasil - Gol do Mazinho (Foto: Tom Dib)

Mazinho quem? Messi Black? A reação dos palmeirenses no fim de abril com o anúncio da contratação do atacante não fugiu muito disso. Dois meses depois, a situação é completamente diferente. De desconhecido e peça para compor o elenco, ele se tornou um dos principais jogadores do Palmeiras na reta decisiva da Copa do Brasil. E nesta quinta-feira, contra o Grêmio, pela semifinal do torneio, tem grandes chances de ser titular.

Se Barcos segue como o goleador do Verdão na temporada, o camisa 17 pode se gabar de ser o melhor atleta da posição no momento. Desde sua estreia, na vitória por 2 a 1 diante do Paraná, em Curitiba, foi quem mais balançou redes. Nas últimas dez partidas, ele participou de nove, e marcou quatro gols.

O mais importante deles saiu no triunfo por 2 a 0 diante do Grêmio, na última quarta, no Olímpico. Nesse período, o Pirata deixou sua marca em três oportunidades.

Com Luan lesionado e descartado para encarar os gaúchos, Mazinho disputa com Maikon Leite a vaga entre os titulares. Pelas últimas atuações, sai na frente do companheiro. Os números dele, aliás, são melhores do que os do camisa 7.

O atacante tem se destacado entre as contratações do Alviverde após a primeira fase do Paulistão. Além dele, chegaram ao clube o lateral-esquerdo Fernandinho e o centroavante Betinho. Ambos não tiveram muitas chances no time.

Emprestado pelo Oeste até o fim do ano, o camisa 17 tem mais alguns meses para manter a boa fase e provar que pode ter o vínculo renovado. Continuar como um dos destaques nessa caminhada pelo título da Copa do Brasil pode fazer a diferença.

Antes questionado e até motivo de piadas pelo apelido de Messi Black, Mazinho tem crescido pelo Verdão. O talismã quer ser titular. Potencial, ele já mostrou que tem.

Artilheiro da Arena:

O atacante Mazinho parece estar em casa quando atua na Arena Barueri. Dos quatro gols que ele marcou pelo Verdão, três saíram no local da partida de amanhã, contra o Grêmio, pela Copa do Brasil. O camisa 17, aliás, balançou redes pela primeira vez pelo Alviverde em Barueri. Na atual temporada, é quem mais marcou no local. A equipe já fez dois jogos na Arena em 2012.

Desde a estreia:

Palmeiras 1x1 Vasco
17/6- Reserva, entrou com 18 minutos na vaga de Luan. Fez um belo gol no segundo tempo.

Grêmio 0x2 Palmeiras
13/6- Entrou aos 40 minutos do segundo tempo e abriu o placar dois minutos depois. Decisivo.

Palmeiras 0x1 Atlético-MG
9/6- Reserva novamente, atuou por 28 minutos no Pacaembu.

Sport 2x1 Palmeiras
6/6- Foram só 13 minutos em campo. Não evitou a derrota.

Grêmio 1x0 Palmeiras
27/5- Não entrou em campo na derrota pelo Brasileirão.

Palmeiras 2x0 Atlético-PR
23/5- Titular novamente, foi regular. Atuou por 66 minutos.

Palmeiras  1x1   Portuguesa
19/5- Entrou durante o segundo tempo. Foram 38 minutos.

Atlético-PR  2x2   Palmeiras
16/5- Atuação regular. Saiu com 11 minutos do segundo tempo.

Palmeiras  4x0   Paraná
9/5- Titular, marcou seus dois primeiros gols. Após 71 minutos de partida, saiu aplaudido.

Paraná  1x2   Palmeiras
25/4- Em sua estreia, foi titular, atuou por 90 minutos e foi bem. Entrou durante o segundo tempo. Foram 38 minutos.

Artilheiros nesse período

Mazinho - 4 gols

Barcos - 3 gols

Henrique - 2 gols

Maikon Leite - 2 gols

Luan - 2 gols

Marcos Assunção - 1 gol

Valdivia - 1 gol

Artilheiros no ano:

Barcos - 13 gols
O camisa 9 é o principal goleador do Verdão no ano. Foi o artilheiro do time no Paulistão e, com quatro gols, é o melhor da equipe na Copa do Brasil.

Marcos Assunção - 8 gols
Importante nas cobranças de falta, o volante é o segundo goleador do time. Não marca desde o dia 25 de abril.

Maikon Leite - 7 gols
Titular em alguns momentos do ano, agora tem entrado durante alguns jogos. O último gol foi em 16 de maio.

Henrique, Juninho e Mazinho - 4 gols
O zagueiro, o lateral-esquerdo e o atacante estão empatados no quesito.

Confira a análise do gerente de futebol do Verdão, César Sampaio, sobre Mazinho:

"Mazinho é uma grande surpresa positiva. Um cara que está reeditando aquilo que vinha fazendo pelo Oeste durante o Paulista. A proporção aqui é muito maior, mas ele é um jogador que não sentiu o peso de um grande clube.

Felipão é quem vai definir se ele vai ser titular ou não. A gente não interfere. Sempre que tem sido solicitado, jogando desde o início ou entrando no meio do jogo, tem conseguido uma regularidade boa. Nesses últimos jogos , ele tem sido decisivo com gols. É um atleta importante para o grupo.

Um grupo equilibrado é quando você tem mais de uma opção na mesma posição. Infelizmente, o Luan machucou, mas o Mazinho funciona nos dois setores: no ataque e no meio. Estamos muito felizes com o que ele tem feito."

 

Você comentarista: