Antigo Maraca terá peças em museu inglês

12 de julho de 2012

Conhecido internacionalmente, agora o Maracanã ficará eternizado também no National Football Museum, o Museu Nacional do Futebol, inaugurado no dia 5 deste mês, em Manchester, na Inglaterra. Uma parte da arquibancada do estádio será exposta em uma das galerias do prédio, além de cadeiras, um refletor e um auto-falante. As peças, garantiu o diretor do espaço Kevin Moore, ficarão em locais especiais.

Para a secretária de Esporte e Lazer do Rio de Janeiro, Márcia Lins, o fato só vem retificar ainda mais a importância do Templo do Futebol. Segundo ela, a atitude dos ingleses também enaltece o Rio de Janeiro, cidade que abriga o Maracanã.

“É uma honra recebermos o pedido do Museu de Futebol em Manchester, na Inglaterra, porque revela a dimensão e importância mundiais do nosso estádio. Está sendo feito um estudo de quais peças poderão ser doadas e a ideia é que algumas já sejam disponibilizadas nos Jogos Olímpicos de Londres” contou.

Além do National Football Museum, o Museu do Maracanã também será agraciado com algumas peças antigas. O local, que já conta com algumas, como a rede onde Pelé marcou o milésimo gol, a primeira roleta do estádio e uma carroça usada em sua construção, contará com novidades, de acordo com Márcia Lins.

“Isso é para que as futuras gerações conheçam a história grandiosa e também sintam orgulho do Maracanã”, encerrou.

Eternizar o Maraca é uma ideia antiga. Tanto que 73 mil cadeiras foram enviadas para clubes das primeira, segunda e terceira divisões do Campeonato Carioca, para prefeituras do estado e instalações que receberam as provas dos Jogos Mundiais Militares.