Técnico não crê que Adriano tenha dirigido alcoolizado

Claudio Ranieri se diz ser igual a São Tomé e ainda conta com o Imperador na Roma

LANCEPRESS! - 11/02/2011 - 13:01 Roma (ITA)

Claudio Ranieri (Crédito: Reuters)

As aventuras de Adriano ainda dão o que falar na Itália. Mas o técnico da Roma, Claudio Ranieri, tentou dar um ponto final no assunto, em entrevista coletiva nesta sexta-feira. O treinador disse que ainda espera contar com o atacante brasileiro e também se mostrou incrédulo com as notícias vindas do Brasil sobre os problemas do jogador ao misturar bebida alcoólica e direção.

- Estou convencido que Adriano ainda poderá ser muito útil, quem sabe marque um gol em uma partida importante. Sou um sonhador. Devemos conhecer melhor o Brasil para podermos julgá-lo melhor. Sou igual a São Tomé. Não acredito naquilo que li. Disseram-me que ele não estava dirigindo. Ele não estava dirigindo e pegaram a carteira dele. Por quê? Por quê? Não quero mais falar disso, só de futebol - afirmou treinador.

- Relembre as aventuras de Adriano no trânsito do Rio

Apesar do voto de confiança de Ranieri, a direção da Roma estuda a possibilidade de multar o jogador, assim que ele retornar ao clube, no dia 22. A rescisão do contrato não está descartada.

Adriano teve o direito de dirigir suspenso por cinco dias, após se negar a fazer o teste do bafômetro, na madrugada de quarta-feira passada, em uma blitz da Lei Seca, na Barra, Zona Oeste do Rio. O jogador, que admitiu ter ingerido álcool, levou multa de R$ 957,70. Adriano será julgado pelo Detran e pode ficar um ano sem dirigir.

Você comentarista: