Sul-Americana de 2013 pode contar com times da Série B

Mudança no formato da Copa do Brasil criou novos critérios de classificação para a competição sul-americana

LANCEPRESS! - 10/08/2012 - 18:37 Rio de Janeiro (RJ)

Botafogo x Atlético-MG - Copa Sul-Americana de 2011 - Elkeson e Réver (Foto: Paulo Sergio)

A Copa Sul-Americana de 2013 poderá contar com times que tenham sido rebaixados para a Série B do Campeonato Brasileiro deste ano ou até mesmo os promovidos para a Primeira Divisão. É o que indica a CBF, que nesta sexta-feira divulgou os novos critérios de classificação para a competição.

O fato de a Copa do Brasil, a partir da próxima temporada, contar com 86 clubes, incluindo as equipes que disputarão a Libertadores – estas entrarão nas oitavas de final do torneio, que começará com 80 clubes –, motivou a mudança.

Participarão da Sul-Americana apenas os times que não estejam disputando as oitavas de final da Copa do Brasil, que coincidirá com o início do torneio sul-americano.

Com isso, os oito primeiros do atual Brasileiro se classificarão para a Sul-Americana-2013, desde que não tenham se garantido na Quarta Fase da Copa do Brasil.

No entanto, caso as oito vagas destinadas ao Brasil na Copa Sul-Americana não sejam ocupadas por clubes que terminaram o Brasileirão até a 16 posição, os quatro primeiros colocados da Série B de 2012 estarão garantidos no torneio sul-americano. Mas se essas equipes em questão também estiverem na Quarta Fase da Copa do Brasil, os quatro últimos colocados da Série A de 2012 participarão da Sul-Americana.

– Nessa nova concepção de Copa do Brasil faltariam datas no calendário. Os clubes não teriam como participar dos dois torneios. Faremos uma experiência nos próximos anos e podemos voltar atrás, em caso de fracasso – disse Virgílio Elísio, Diretor de Competições da CBF ao LANCENET!.

Você comentarista: