Patricia Amorim recusa convite da CBF

Presidente do Flamengo não será a chefe da delegação feminina de futebol nos Jogos Olímpicos de Londres

LANCEPRESS! - 20/04/2012 - 15:07 Rio de Janeiro (RJ)

Coletiva do José Maria Marin na CBF - Patricia Amorim (Foto: Mowa Press)

A presidente do Flamengo, Patricia Amorim, recusou o convite da CBF para ser a chefe da delegação feminina de futebol nos Jogos Olímpicos de Londres. Em nota divulgada no site oficial do clube nesta sexta-feira, a mandatária agradeceu à entidade, mas alegou que não poderia ficar ausente do Flamengo, sua prioridade, por 30 dias.

A recusa tem também o seu lado político. Há uma disputa declarada entre o presidente da CBF, José Maria Marin, e o da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj), Rubens Lopes, pela indicação do nome que será o vice-presidente da entidade da Região Centro-Sul. Enquanto os cariocas indicaram Zagallo, os paulistas, Marco Polo Del Nero.

A aceitação do convite deixaria a mandatária rubro-negra em uma sinuca de bico, uma vez que iria contra a entidade carioca. Na nota, Patricia ressalta, porém, que o Flamengo continua de "portas abertas ajudando a CBF e suas Seleções no que for necessário."

Você comentarista: