Lucas elogia luta, mas lamenta erros: 'Faltou mais atenção'

Atacante afirma também que faltou organização tática e qualidade para o São Paulo evitar a derrota por 2 a 0 para o Coritiba

LANCEPRESS! - 21/06/2012 - 00:32 São Paulo (SP)

Coritiba x São Paulo - Copa do Brasil - Lucas e Sérgio Manoel (Foto: Felipe Gabriel)

Como não poderia deixar de ser, o semblante dos jogadores são-paulinos era de muito abatimento depois da derrota por 2 a 0 para o Coritiba, que eliminou o Tricolor da Copa do Brasil e impediu a classificação para a decisão do torneio.

O atacante Lucas, que teve algumas chances durante a partida, apontou quais foram as principais falhas que culminaram na queda do time na competição nacional.

– Faltou posicionamento, atenção e não conseguimos matar o jogo quando tivemos as oportunidades – analisou o camisa 7 do Morumbi.
Apesar das críticas, o jogador fez questão de enaltecer alguns pontos do São Paulo em Curitiba (PR).

São Paulo perde do Coritiba e dá adeus à Copa do Brasil

– O time tentou, correu, não faltou raça, não faltou vontade, mas o São Paulo também tem que exaltar o time deles também, que tem muita qualidade – complementou.

Lucas também destacou o equilíbrio das duas equipes nas duas partidas. No confronto de ida, o São Paulo saiu vitorioso por 1 a 0.

– Foram duas equipes que chegaram à semifinal da Copa do Brasil. Então as duas têm qualidade. Erramos, mas caímos diante de uma grande equipe – disse.

Com a desclassificação, o clube do Morumbi manteve a sina de ser eliminado em pelo menos uma semifinal desde 2006, ano da sua última decisão – perdeu o título da Libertadores para o Inter. Nesta temporada, o time comandado por Leão já havia caído na semi do Paulistão para o Santos, que acabou com a taça do Estadual.

Obcecado pelo mais importante torneio sul-americano, o Sampa terá de buscar uma vaga no competição ou pela Sul-Americana ou pelo Campeonato Brasileiro – atualmente é o sexto no Nacional.

No próximo sábado, o São Paulo volta a campo. Enfrenta a Portuguesa, no Canindé, pelo Brasileiro.

Você comentarista: