Data histórica motiva o Atlético-MG contra o Tupi

Galo quer vencer bem o Tupi, em Juiz de Fora, para encaminhar participação na final do Campeonato Mineiro

LANCEPRESS! - 22/04/2012 - 08:00 Belo Horizonte (MG)

Penarol-AM x Atlético-MG - Copa do Brasil - André (Foto: Bruno Cantini/Atlético-MG)

Há exatos 512 anos, o Brasil recebia visitantes que mudariam a história da terra que era conhecida como Vera Cruz. E, tendo a data história como inspiração, os jogadores do Atlético-MG querem repetir o feito de Pedro Álvares Cabral contra o Tupi, hoje, às 16h e desbravar uma terra cheia de dificuldades para qualquer time de futebol visitante: a cidade de Juiz de Fora.

- Jogar fora de casa sempre é difícil e lá não será diferente, é quente, tem a torcida a favor. Vai ser um jogo difícil, mas como eu falei, estamos preparados - comentou o goleiro Giovanni, que teve o discurso apoiado por Fillipe Soutto.

- Vai ser um confronto complicado, pois o Atlético é a equipe a ser batida. E o Tupi está motivado por ter chegado na semifinal. A concentração do adversário vai estar forte e eles vão querer tirar a nossa invencibilidade - disse o volante.

Para tanto, o melhor time da primeira fase do Campeonato Mineiro promete entrar em campo com um espírito de luta, já que um resultado adverso no jogo de ida das semifinais pode complicar a vida do clube alvinegro na competição.

- Fomos muito mal na última partida. Fomos irreconhecíveis. Então, o objetivo é entrar em campo com mais atenção. Jogo será decisivo e todo jogador quer jogar com esse clima  - avaliou Bernard.

Só que o Atlético conta com uma vantagem que a tripulação portuguesa do século XV não teve, quando desbravou o Novo Mundo. Se Cabral não sabia o que encontrar quando aportou na Bahia, os comandados de Cuca já sabem o que lhes esperam no confronto de hoje.

- O Tupi é muito bem treinado e conhece as jogadas do Atlético. O empate na semana passada serviu de alerta para nós. O jogo de agora será totalmente diferente, será uma semifinal e a vitória interessa para as equipes. O objetivo é sair de Juiz de Fora com uma vitória e decidir tranquilo em casa, com a torcida a nosso favor - disse André.

Você comentarista: