Alex admite pela primeira vez que pode deixar o Timão

Esperando uma proposta do Qatar, o camisa 12 deixou no ar um adeus e falou sobre a chance de 'mudar de vida'

LANCEPRESS! - 11/07/2012 - 23:23 São Paulo (SP)

HOME Corinthians x Botafogo - Campeonato Brasileiro - Andrezinho e Alex (Foto: Tom Dib)

No vestiário do Pacaembu, o meia Alex admitiu pela primeira vez que pode mesmo deixar o Corinthians em breve. O jogador de 30 anos recebeu uma proposta do Al Gharafa, do Qatar, que renderia R$ 16 milhões ao Corinthians. O clube também vê com bons olhos, pois investiu cerca de R$ 14 milhões no ano passado, para tirá-lo do Spartak Moscou (RUS).

Ao ser questionado se o futebol do Qatar o atraia, Alex revelou que tem vontade de atuar lá futuramente.

Botafogo estraga festa de entrega de faixas do Corinthians

- Sinceramente, se fosse para lá, seria essa questão que o futebol nos dá um presente de mudar totalmente de vida. Lá seria uma possiblidade, a partir dos 30 anos, coisa que eu tenho vontade de ir, não sei se vai ser aos 31, 32, 33 anos...é um lugar que te dá qualidade de vida e possibilidade de ter segurança financeira. Se isso chega, temos de pensar com carinho. Tem uma família grande atrás. O lado competitivo, naturalmente, a gente fica esquecendo. Então te atrai por esse lado financeiro - disse o camisa 12 do Timão.

Antes reticente em deixar o Parque São Jorge, o meia começou a considerar a possiblidade nos últimos dias, após o título da Libertadores. Ele também admitiu que, por se sentir realizado com o título da Libertadores, agora pode pesar mais o lado financeiro.

- Depende do nível que vem a proposta. Tenho de pensar com responsabilidade. Não me programei sair agora, foi de repente, tem chance de perder o Mundial, se vier a acontecer. É algo que nos balança. Não pesa só o lado financeiro. A gente conseguiu algo muito grande aqui, nos dá essa grande vantagem de olhar por esse lado financeiro. Não são todos que têm essa oportunidade de mudar de vida totalmente. Você que a China está entrando agora, tirou o Conca. E com 30 anos você pensa com mais carinho. Vai ter três, quatro anos em alto nível, cinco no máximo, então acaba relevando também.

Você comentarista: