11/07/2012 - 19:49

Kobe Bryant diz que time atual ganharia do Dream Team de 92

Para o ala do Los Angeles Lakers, o duelo seria duro, mas a equipe atual levaria vantagem por contar com jogadores mais novos

LANCEPRESS!
Las Vegas (EUA)

Donos da liga de basquete mais forte do mundo, os Estados Unidos se dão ao luxo de formar um time dos sonhos quase toda vez que a seleção nacional é reunida. Desde Barcelona-92, quando o time que contava com Larry Bird, Michael Jordan e Magic Johnson inaugurou a alcunha "Dream Team" no basquete americano, várias seleções posteriores receberam o mesmo apelido, muitas vezes sem merecê-lo.

Vinte anos depois, nos Jogos de Londres, a seleção americana de basquete volta a formar um esquadrão digno do mito surgido em terras catalãs. Kevin Durant, LeBron James e Kobe Bryant, cercados de outros nove jogadores de alto nível, parecem ter a capacidade de se aproximar da performance do Dream Team original, que assombrou o mundo. Mas seria o time atual capaz de enfrentar – e vencer – aquele do início da dos anos 90? Para Kobe Bryant, sim.

– Do ponto de vista do basquete, eles obviamente eram muito mais alto do que nós somos, com David Robinson, Patrick Ewing, Karl Malone e outros. Mas muitos deles eram também mais velhos que nós, quase em fim de carreira. Nós temos um bando de 'cavalos de corrida', caras com fome de competir... Seria um duelo difícil, mas acho que levaríamos a melhor – palpitou Kobe.

A opinião de Kobe Bryant, no entanto, não é compartilhada por Mike Krzyzewski, técnico da seleção americana. Para ele, que foi assistente técnico do time de 1992, toda seleção que veio após aquela não deveria nem utilizar o termo "Dream Team", tampouco ousar uma comparação.

FIBA tornou o Dream Team possível

Apesar de sempre ter revelado jogadores extraordinários, os Estados Unidos nunca puderam reuni-los em uma Olimpíada. A vocação onírica do time americano só começou a se manifestar a partir dos Jogos Olímpicos de 1992, tirando proveito de uma decisão da Federação Internacional de Basquete (FIBA) de 1988, que permitiu a participação de atletas profissionais nas competições olímpicas.

Confira abaixo os integrantes da seleção americana de 1992 e os resultados obtidos nos Jogos.

Christian Laettner - Duke University
David Robinson - San Antonio Spurs
Patrick Ewing - New York Knicks
Larry Bird - Boston Celtics
Scottie Pippen - Chicago Bulls
Michael Jordan - Chicago Bulls
Clyde Drexler - Portland Trail Blazers
Karl Malone - Utah Jazz
John Stockton - Utah Jazz
Chris Mullin - Golden State Warriors
Charles Barkley - Phoenix Suns
Magic Johnson - Los Angeles Lakers
Técnico - Chuck Daly, do Detroit Pistons

Resultados na Olimpíada

EUA 116 x 48 - Angola - primeira fase
EUA 103 x 70 - Croácia - primeira fase
EUA 111 x 68 - Alemanha - primeira fase
EUA 127 x 83 - Brasil - primeira fase
EUA 122 x 81 - Espanha - primeira fase
EUA 115 x 77 - Porto Rico - quartas de final
EUA 127 x 76 - Lituânia - semifinal
EUA 117 x 85 - Croácia - final

Você comentarista:

  • Curta nossa página e comente! Comentar

Pos País Critério L! Ouro Prata Bronze Total
1 Estados Unidos 225 46 29 29 104
2 China 190 38 27 22 87
3 Rússia 155 24 25 33 82
4 Reino Unido 140 29 17 19 65
5 Alemanha 85 11 19 14 44
6 França 67 11 11 12 34
7 Japão 66 7 14 17 38
8 Austrália 65 7 16 12 35
9 Coreia do Sul 62 13 8 7 28
10 Itália 53 8 9 11 28
11 Holanda 38 6 6 8 20
12 Hungria 37 8 4 5 17
13 Ucrânia 37 6 5 9 20
14 Espanha 33 3 10 4 17
15 Cazaquistão 28 7 1 5 13
16 Brasil 28 3 5 9 17
17 Cuba 27 5 3 6 14
18 Nova Zelândia 26 5 3 5 13
19 Irã 25 4 5 3 12
20 Canadá 25 1 5 12 18
21 Jamaica 24 4 4 4 12
22 Bielorrússia 24 3 5 5 13
23 República Tcheca 21 4 3 3 10
24 Quênia 19 2 4 5 11
25 Romênia 18 2 5 2 9
26 Dinamarca 17 2 4 3 9
27 Azerbaijão 16 2 2 6 10
27 Polônia 16 2 2 6 10
29 Coreia do Norte 14 4 0 2 6
30 África do Sul 14 3 2 1 6
31 Etiópia 14 3 1 3 7
32 Suécia 14 1 4 3 8
33 Croácia 13 3 1 2 6
34 Colômbia 13 1 3 4 8
35 Geórgia 12 1 3 3 7
35 México 12 1 3 3 7
37 Turquia 11 2 2 1 5
38 Suíça 10 2 2 0 4
39 Lituânia 10 2 1 2 5
40 Noruega 9 2 1 1 4
41 Irlanda 8 1 1 3 5
42 Índia 8 0 2 4 6
43 Argentina 7 1 1 2 4
43 Eslovênia 7 1 1 2 4
43 Sérvia 7 1 1 2 4
46 Mongólia 7 0 2 3 5
47 Tunísia 6 1 1 1 3
48 Trinidad e Tobago 6 1 0 3 4
48 Uzbequistão 6 1 0 3 4
50 República Dominicana 5 1 1 0 2
51 Tailândia 5 0 2 1 3
52 Eslováquia 5 0 1 3 4
53 Letônia 4 1 0 1 2
54 Egito 4 0 2 0 2
55 Armênia 4 0 1 2 3
55 Bélgica 4 0 1 2 3
55 Finlândia 4 0 1 2 3
58 Argélia 3 1 0 0 1
58 Bahamas 3 1 0 0 1
58 Granada 3 1 0 0 1
58 Uganda 3 1 0 0 1
58 Venezuela 3 1 0 0 1
63 Bulgária 3 0 1 1 2
63 Estônia 3 0 1 1 2
63 Indonésia 3 0 1 1 2
63 Malásia 3 0 1 1 2
63 Porto Rico 3 0 1 1 2
63 Taiwan 3 0 1 1 2
69 Botsuana 2 0 1 0 1
69 Chipre 2 0 1 0 1
69 Gabão 2 0 1 0 1
69 Guatemala 2 0 1 0 1
69 Montenegro 2 0 1 0 1
69 Portugal 2 0 1 0 1
75 Cingapura 2 0 0 2 2
75 Grécia 2 0 0 2 2
75 Moldova 2 0 0 2 2
75 Qatar 2 0 0 2 2
79 Afeganistão 1 0 0 1 1
79 Arábia Saudita 1 0 0 1 1
79 Bahrein 1 0 0 1 1
79 Hong Kong 1 0 0 1 1
79 Kuwait 1 0 0 1 1
79 Marrocos 1 0 0 1 1
79 Tadjiquistão 1 0 0 1 1
86 Albânia 0 0 0 0 0
86 Andorra 0 0 0 0 0
86 Angola 0 0 0 0 0
86 Antígua e Barbuda 0 0 0 0 0
86 Aruba 0 0 0 0 0
86 Áustria 0 0 0 0 0
86 Bangladesh 0 0 0 0 0
86 Barbados 0 0 0 0 0
86 Belize 0 0 0 0 0
86 Benin 0 0 0 0 0
86 Bermudas 0 0 0 0 0
86 Bolívia 0 0 0 0 0
86 Bósnia e Herzegovina 0 0 0 0 0
86 Brunei 0 0 0 0 0
86 Burkina Faso 0 0 0 0 0
86 Burundi 0 0 0 0 0
86 Butão 0 0 0 0 0
86 Cabo Verde 0 0 0 0 0
86 Camarões 0 0 0 0 0
86 Camboja 0 0 0 0 0
86 Chade 0 0 0 0 0
86 Chile 0 0 0 0 0
86 Comores 0 0 0 0 0
86 Congo 0 0 0 0 0
86 Costa do Marfim 0 0 0 0 0
86 Costa Rica 0 0 0 0 0
86 Djibuti 0 0 0 0 0
86 Dominica 0 0 0 0 0
86 El Salvador 0 0 0 0 0
86 Emirados Árabes Unidos 0 0 0 0 0
86 Equador 0 0 0 0 0
86 Eritreia 0 0 0 0 0
86 Fiji 0 0 0 0 0
86 Filipinas 0 0 0 0 0
86 Gâmbia 0 0 0 0 0
86 Gana 0 0 0 0 0
86 Guam 0 0 0 0 0
86 Guiana 0 0 0 0 0
86 Guiné 0 0 0 0 0
86 Guiné Equatorial 0 0 0 0 0
86 Guiné-Bissau 0 0 0 0 0
86 Haiti 0 0 0 0 0
86 Honduras 0 0 0 0 0
86 Iêmen 0 0 0 0 0
86 Ilhas Cayman 0 0 0 0 0
86 Ilhas Cook 0 0 0 0 0
86 Ilhas Marshall 0 0 0 0 0
86 Ilhas Salomão 0 0 0 0 0
86 Ilhas Virgens Americanas 0 0 0 0 0
86 Ilhas Virgens Britânicas 0 0 0 0 0
86 Iraque 0 0 0 0 0
86 Islândia 0 0 0 0 0
86 Israel 0 0 0 0 0
86 Jordânia 0 0 0 0 0
86 Kiribati 0 0 0 0 0
86 Laos 0 0 0 0 0
86 Lesoto 0 0 0 0 0
86 Líbano 0 0 0 0 0
86 Libéria 0 0 0 0 0
86 Líbia 0 0 0 0 0
86 Liechtenstein 0 0 0 0 0
86 Luxemburgo 0 0 0 0 0
86 Macedônia 0 0 0 0 0
86 Madagascar 0 0 0 0 0
86 Malauí 0 0 0 0 0
86 Maldivas 0 0 0 0 0
86 Mali 0 0 0 0 0
86 Malta 0 0 0 0 0
86 Maurício 0 0 0 0 0
86 Mauritânia 0 0 0 0 0
86 Mianmar 0 0 0 0 0
86 Micronésia 0 0 0 0 0
86 Moçambique 0 0 0 0 0
86 Mónaco 0 0 0 0 0
86 Namíbia 0 0 0 0 0
86 Nauru 0 0 0 0 0
86 Nepal 0 0 0 0 0
86 Nicarágua 0 0 0 0 0
86 Níger 0 0 0 0 0
86 Nigéria 0 0 0 0 0
86 Omã 0 0 0 0 0
86 Palau 0 0 0 0 0
86 Palestina 0 0 0 0 0
86 Panamá 0 0 0 0 0
86 Papua-Nova Guiné 0 0 0 0 0
86 Paquistão 0 0 0 0 0
86 Paraguai 0 0 0 0 0
86 Peru 0 0 0 0 0
86 Quirguistão 0 0 0 0 0
86 RD Congo 0 0 0 0 0
86 República Centro-Africana 0 0 0 0 0
86 Ruanda 0 0 0 0 0
86 Samoa 0 0 0 0 0
86 Samoa Americana 0 0 0 0 0
86 San Marino 0 0 0 0 0
86 Santa Lúcia 0 0 0 0 0
86 São Cristóvão e Névis 0 0 0 0 0
86 São Tomé e Príncipe 0 0 0 0 0
86 São Vicente e Granadinas 0 0 0 0 0
86 Senegal 0 0 0 0 0
86 Serra Leoa 0 0 0 0 0
86 Seychelles 0 0 0 0 0
86 Síria 0 0 0 0 0
86 Somália 0 0 0 0 0
86 Sri Lanka 0 0 0 0 0
86 Suazilândia 0 0 0 0 0
86 Sudão 0 0 0 0 0
86 Suriname 0 0 0 0 0
86 Tanzânia 0 0 0 0 0
86 Timor-Leste 0 0 0 0 0
86 Togo 0 0 0 0 0
86 Tonga 0 0 0 0 0
86 Turcomenistão 0 0 0 0 0
86 Tuvalu 0 0 0 0 0
86 Uruguai 0 0 0 0 0
86 Vanuatu 0 0 0 0 0
86 Vietnã 0 0 0 0 0
86 Zâmbia 0 0 0 0 0
86 Zimbábue 0 0 0 0 0