Kleber e Paulinho se envolvem em confusão em saída de casa noturna

Grêmio confirma envolvimento de atacantes em briga na madrugada desta quinta. Gladiador, que teria chegado às vias de fato com outro rapaz, treinou e não aparentou machucados

Eduardo Moura - 31/01/2014 - 20:04 Porto Alegre (RS)

Kleber Gladiador - Grêmio (Foto: Eduardo Moura)

Um dos líderes do elenco do Grêmio, o atacante Kleber Gladiador se envolveu em uma briga na saída da casa noturna Vidigal, em Porto Alegre, na companhia do atacante Paulinho. Segundo apurou o LANCE!Net, o jogador levou alguns golpes e recebeu chutes, enquanto caído no chão. O Grêmio confirma o episódio, mas não informa detalhes do incidente. O atacante nega. Ele participou normalmente do treinamento desta sexta-feira e não apresentou nenhum machucado aparente. Não houve registro de Boletim de Ocorrência. O clube garante que vai tratar da questão internamente.

O fato ocorreu na saída da casa noturna. Os jogadores e um terceiro homem já estavam dentro do táxi retornando para suas residências. O carro quase acertou um rapaz que atravessava a rua em que o motorista fez a conversão. O jovem gritou um xingamento para o carro. Kleber retrucou. E a confusão começou. Os três desceram do veículo e foram cercados pelos quatro homens na rua.

Kleber e o segundo homem do táxi participaram da briga ativamente. Um dos homens conseguiu derrubar o Gladiador com um chute, que foi cercado. Os seguranças da casa noturna, chamados por Paulinho, inverviram na confusão. A polícia foi chamada, já que um integrante do quarteto pegou o carro e o parou na contramão na Castro Alves.

GRÊMIO VAI TRATAR CASO INTERNAMENTE

O Grêmio confirma a confusão envolvendo os atacantes. Não dá detalhes do que aconteceu. Não confirma nem nega a existência de vias de fato. Os jogadores relataram aos dirigentes que houve provocação constante, como se fosse algo já "marcado". E o clube não tomará nenhuma outra atitude quanto ao fato.

- Nós conversamos com os jogadores, ouvimos a versão deles sobre o que aconteceu e caso encerrrado. Eles estavam sendo constantemente provocados. Vamos tratar isso internamente - explicou o diretor-executivo Rui Costa ao L!Net.

A versão da polícia corrobora tal fato. Segundo apurou o L!Net com a Brigada Militar, uma viatura foi chamada e esteve no local por conta da briga. Mas não houve registro de BO e ninguém foi abordado pelos policiais na rua.

Kleber está confirmado para o jogo deste domingo, contra o Juventude, no Alfredo Jaconi.

Você comentarista: