Oficialmente, Flu ainda não desiste de ter Conca

Clube segue em compasso de espera até o dia 12 para averiguar se uma proposta oficial será formalizada

Guilherme Abrahão - 11/07/2012 - 15:52 Rio de Janeiro (RJ)

Conca no Fluminense (Foto: Bruno de Lima)

Apesar de ainda não ter enviado uma proposta oficial e saber que as dificuldades para repatriar Conca aumentam a cada dia, o Fluminense não desistiu oficialmente do apoiador. É o que garante o vice de futebol tricolor, Sandro Lima. Segundo ele, quando o assunto é o ídolo, o Flu nunca irá jogar a toalha.

- Sempre que se falar de Conca, nunca vamos desistir. Sabemos que é difícil, adiamos a viagem para a China, mas por enquanto não desistimos. Vamos esperar. A situação fica em espera e aguardamos uma manifestação do Guanghzou, que por enquanto está inflexível - afirmou o drigente.

Sandrão ainda afirmou que o retorno de Conca, por agora, pode ter sido adiado, mas voltou a frisar que o Fluminense não irá medir esforços pelo argentino.

- Vamos esgotar tudo que for possível. Digamos que, se não acertarmos agora, o sonho de tê-lo outra vez no Fluminense está adiado. Se dependesse só do Flu, ele já estaria aqui de volta treinando e jogando - confirmou.

Os valores para tirar Conca do Guanghzou Evergrande (CHN) giram em torno de R$ 20 milhões, mas o clube está disposto a abaixar um pouco, caso alguma equipe formalize a proposta. A partir deste dia 12 (quinta-feira), os chineses irão focar um pouco na situação do argentino, já que a janela de transferências estará fechada.

Mais uma reunião entre os staffs do jogador e o presidente do Guanghzou está marcada e terá a presença do argentino mais um vez. A ideia é fazer o último contato para decidir se Conca retorna ao Brasil ou se fica no futebol chinês. Outros clubes estão de olho no apoiador, já que a prioridade do Tricolor esgotou-se, por enquanto.

Você comentarista: