Flamengo tem reunião com Jayme para tratar sobre reforços para 2014

Homens fortes do futebol retornam para dar seguimento às conversas por reforços para 2014. Fagner, do Vasco, torna-se opção a Léo

Eduardo Mendes e Pedro Leanza - 15/12/2013 - 08:03 Rio de Janeiro (RJ)

Wallim, Pelaipe e Jayme conversarm após o treino (Foto: Pedro Barboza)

Uma reunião prevista para esta segunda-feira entre o vice de futebol, Wallim Vasconcellos, o diretor de futebol, Paulo Pelaipe, e o técnico Jayme de Almeida norteará o Flamengo em relação às contratações para a próxima temporada.

Os dois responsáveis pelo futebol estiveram fora nos últimos dias. Wallim passou a semana nos Estados Unidos por questões pessoais e Pelaipe entrou em férias por sete dias. O diretor evitou, inclusive, atender ligações da imprensa.

E MAIS
> Pai de Elias viaja a Portugal para tentar selar a compra do volante
> Volante Muralha retorna ao Flamengo após empréstimo


RELEMBRE

> Giuliano encabeça lista de nomes para vestir a 10 do Flamengo
> Jadson é mais um nome do Flamengo para 2014
> Flamengo quer Elias por mais quatro anos e planeja viagem

L!TV:
>
Vaivém: As negociações mais quentes do futebol brasileiro

Nas duas últimas semanas, o clube foi ao mercado consultar os nomes que já estavam em pauta desde antes do término do Campeonato Brasileiro e passado sete dias após o fim do torneio apenas duas contratações se encontram em andamento no momento: as situações do volante Feijão, do Bahia, e do atacante Emerson Sheik, que está no Corinthians.

Além delas, o clube também tem conversas adiantadas para as renovações de Léo Moura e Elias, peças importantes na conquista da Copa do Brasil.

A principal dificuldade que emperra qualquer avanço é em relação ao possível investimento, principalmente às possibilidades estudadas para a escolha de quem vestirá a camisa 10 em 2014.

Nomes como Giuliano, Diego e Jadson custam milhões e, neste momento, o clube entende que não é possível injetar as quantias cobradas pelos respectivos clubes.

Na lista do Flamengo, encontram-se necessidades para a lateral direita, defesa, meio de campo (volante e meia) e ataque. Inicialmente, ao menos cinco jogadores são esperados para o início da preparação para a Libertadores.

Por ora, o clube não faz promessa em relação à quantidade de reforços, mas garante qualificar o elenco e admite que um grande nome pode ser contratado. Os esforços serão voltados para montagem do time que disputará o torneio sul-americano.

Lateral de rival entra em pauta

Os dirigentes do Flamengo levarão o nome de Fagner, do Vasco, para análise de Jayme de Almeida. Depois que Léo, emprestado pelo Vitória ao Atlético-PR, terá metade dos direitos econômicos adquiridos pelo Furacão, o Rubro-Negro tem como opção o lateral-direito para disputar posição com Léo Moura, caso ele renove, na próxima temporada.

Fagner está emprestado pelo Wolfsburg, da Alemanha, ao Vasco até o fim do ano. O Cruz-Maltino não pretende fazer esforços para manter o jogador, que não teve bom desempenho no Brasileiro.

No meio do ano, o Flamengo chegou a tentar a contratação do jogador, cujo empresário é Carlos Leite e tem relação estreita com o diretor, Paulo Pelaipe.

OS PRIMEIROS ALVOS DO FLAMENGO PARA 2014

LATERAL DIREITA

Léo Moura: Negociação para renovar com o jogador está avançada e o novo contrato deve ser assinado nos próximos dias.

Léo: Lateral do Vitória e que estava emprestado ao Atlético-PR estava sendo observado. O Furacão, porém, irá exercer prioridade de compra de 50% dos direitos
econômicos do jogador. Fla buscava parceiro para adquirir a totalidade dos direitos.

Fagner: Lateral do Vasco será avaliado pela diretoria como opção a Léo.

VOLANTE

Elias: Clube espera concluir compra de 50% dos direitos econômicos do jogador até a próxima semana. Novo contrato será por quatro anos.

Feijão: Jogador do Bahia será envolvido em uma troca por Gabriel e Rafinha. Inicialmente, o volante ficará emprestado até o fim de 2014 com parte dos direitos econômicos fixados para compra. Os baianos têm 50%.

MEIAS

Giuliano: Encabeça a lista para vestir a 10, mas a negociação gira em torno de R$ 38 milhões e meia tem alto salário. Clube tentaria parceiro para comprar 50% dos direitos. É uma transação fora da realidade do Flamengo.

Diego: Segunda opção na relação, meia também tem alto salário (R$ 1 milhão mensais). Clube ainda teria de desembolsar cerca de cinco milhões de euros (R$ 15,9 milhões) ao Wolfsburg para tê-lo a partir de janeiro.

Jadson: Meia não deverá ser utilizado pelo São Paulo, mas clube só aceitaria venda cotada em torno de seis milhões de euros (R$ 19,1 milhões). Fato que inviabiliza operação.

ATACANTES

Sheik: Clube negocia contrato de dois anos com o atacante do Corinthians. Vice de relações externas está à frente das conversas. Jogador precisa reduzir salário.

Lins: Clube fez sondagem por atacante do Criciúma, mas não houve evolução. Jogador deverá ir para a Coreia do Sul.

Cícero: Flamengo fez proposta pelo atacante do Santos, mas destino dele deverá ser a China.

Você comentarista: