Flamengo enfrenta o Remo pela Copa do Brasil querendo virar a página

Com apenas 5% de chance de classificação para a semifinal da Taça Rio, Jorginho acredita que jogadores têm que entrar com um novo foco na nova competição

LANCEPRESS! - 02/04/2013 - 21:00 Belém (PA)

Apresentação Remo x Flamengo

Remo e Flamengo se enfrentam nesta quarta-feira, às 22h, no Estádio Olímpico do Pará, mais conhecido como Mangueirão, em Belém, pela primeira fase da Copa do Brasil. Se o Rubro-Negro conseguir uma vitória com mais de dois gols de diferença, garante vaga na segunda fase, sem precisar do jogo de volta, no Rio de Janeiro. Já o Remo, precisa da vitória para chegar com forças na semifinal do Estadual, sábado diante do Paysandu.

Além da vitória, o Flamengo quer recuperarar a tranquilidade e a confiança da torcida. Após a eliminação na semifinal da Taça Guanabara, o time da Gávea vem com uma sequência de duas derrotas, um empate e apenas uma vitória. No último jogo diante do Audax, pelo Estadual, a torcida hostilizou alguns jogadors.

JORGINHO QUER VIRAR A PÁGINA

Em quarto lugar no Grupo B da Taça Rio, o Flamengo tem apenas 5% de chance de conseguir passar à semifinal da competição, por isso, Jorginho acredita que esse é o momento dos jogadores virarem a página e começar do zero.

- Acho que são competições completamente diferentes. A gente precisa aprender a virar a página em alguns momentos da vida. O Carioca é uma outra situação, temos um mínimo de chance, estamos respirando ainda e estamos vivos ainda, mas a situação aqui é outra. A gente sabe como é que é, se vencer por dois gols de diferença consegue já uma cassificação. Se conseguir uma vitoria simples, ótimo, porque decidimos em casa. São competições diferentes e não podemos confundir - disse o treinador.

Tentando esconder o jogo, o treinador não quis revelar a equipe que entra em campo, nesta quarta, já que o treinador adversário também não divulgou a escalação.

- Está definido para a gente, para vocês só amanhã (quarta-feira), na hora do jogo. Eles estão fazendo um pouqinho de mistério e a gente faz um poquinho do lado de cá também - disse Jorginho.

Muito criticado pela torcida pelos maus resultados, o treinador rubro-negro afirma que o torcedor está certo em cobrar, pois quer uma equipe forte.

- A cobrança vai ter em tudo quanto é lugar. Mas importante é estar convicto, pois o torcedor está certo, quer equipe competitiva, quer uma equipe que traga alegria para ele. Momentos que tem de ter alegria e queremos muito trazer alegrias para eles - afirmou.

DE OLHO NO REMO

Pelo lado do Remo, os jogadores não escondem a ansiedade por uma semana com dois jogos decisivos: o desta quarta, contra Flamengo, e o de sábado, contra o Paysandu, pela semifinal do segundo turno do Estadual. O zagueiro Henrique, por exemplo, classificou as partidas como as mais importantes para a sequencia do ano.

- Esta semana vai decidir a nossa vida. Temos que ter tranquilidade e trabalhar bem para esse jogo muito difícil contra o Flamengo, que queremos garantir a partida de volta, e depois a partida contra o Paysandu, que temos que reverter a vantagem - disse à Rádio Clube do Pará.

Talvez até pela importância do jogo, que o técnico Flávio Araújo ainda não decidiu a escalação do time titular. A principal dúvida é se utiliza o 3-5-2 ou o 4-4-2 em campo.

- Não é mistério, é questão de opção. Treinamos nos últimos dias e vamos fazer a definição dessa equipe somente amanhã, no período da tarde. O time está adaptado no 3-5-2 e 4-4-2. São opções e alternativas para quando os jogadores estiverem dentro de campo - declarou.

FICHA TÉCNICA
REMO X FLAMENGO

Estádio: Olímpico do Pará (Mangueirão), Belém (PA)
Data/hora: 05/04/2013 - 22h (de Brasília)
Árbitro: Raphael Claus (SP)
Assistentes: Lincoln Ribeiro Taques (MT) e Sandro do Nascimento Medeiros (MA)

REMO: Fabiano; Carlinho Rech, Zé Antônio e Henrique; Walber, Gerônimo, Nata, Diogo Capela e Berg; Val Barreto e Leandro Cearense. Técnico: Flávio Araújo

FLAMENGO: Felipe; Léo Moura, Renato Santos, Wallace e João Paulo; Amaral, Elias, Gabriel e Rodolfo; Rafinha e Hernane. Técnico: Jorginho

Você comentarista: