Tríplice Coroa na década do Cruzeiro

Em 2003, Raposa conquistou o Mineiro, a Copa do Brasil e o Brasileiro: perfeição!

LANCEPRESS! - 31/12/2010 - 13:05

A Tríplice Coroa marcou a década cruzeirense. O ano de 2003 foi perfeito: campeão mineiro, da Copa do Brasil e do Brasileiro. Um time comandado por Alex, Maldonado, Deivid, Aristizábal e sob a direção de Luxemburgo. Vencer Campeonato Mineiro foi comum na década.


(Crédito: Arquivo)

A decepção ficou por conta da Libertadores. Perder a final para o Estudiantes, da Argentina, em pleno Mineirão foi doloroso. O time comandado pelo gladiador Kleber era até considerado favorito, mas o título ficou com os hermanos.

Títulos:
Copa Sul-Minas (2001 e 2002)
Supercampeonato Mineiro (2002)
Campeonato Mineiro (2003, 2004, 2006, 2008 e 2009)
Copa do Brasil (2003)
Campeonato Brasileiro (2003)

Time ideal:
Fábio, Maicon, Cris, Edu Dracena e Sorín; Maldonado, Ramires, Montillo e Alex; Deivid e Fred. Técnico: Vanderlei Luxemburgo

FÓRUM: Clique aqui e faça o seu time ideal da década do Cruzeiro

Jogador mais importante:


(Crédito: Arquivo)

Alex
Grande ídolo do Cruzeiro, foi a peça chave da equipe que conquistou a Tríplice Coroa de 2003. Como capitão e maestro do time, foi o melhor jogador do país naquele ano.

FÓRUM: Qual foi o principal jogador da década cruzeirense? Dê o seu voto

Jogo mais marcante:
Cruzeiro 2 x 1 Paysandu (2003)
A temporada 2003 chegava ao fim de forma perfeita. Após os títulos mineiro e da Copa do Brasil, o Cruzeiro conquistava o seu primeiro Campeonato Brasileiro com gols de Zinho e Mota no Mineirão.

FÓRUM: Qual é o jogo inesquecível da década da Raposa? Escolha

Jogo mais decepcionante:
Cruzeiro 1 x 2 Estudiantes (2009)

O dia era de festa no Mineirão. Os torcedores celestes se preparavam para comemorar o tricampeonato da Copa Libertadores após empate sem gols no primeiro jogo da final em La Plata. Contudo, os argentinos ganharam de virada e calaram meio estado de Minas Gerais.

FÓRUM: Qual jogo você gostaria de esquecer da década do Cruzeiro? Dê o seu pitaco

Você comentarista: