Presidente do Cruzeiro quer assumir a bilhetagem dos jogos da equipe

Gilvan de Pinho Tavares não está satisfeito com a empresa responsável pela comercialização de ingressos

LANCEPRESS! - 04/03/2013 - 14:25 Belo Horizonte (MG)

Torcida do Cruzeiro - Cruzeiro x Tombense (Foto: Gil Leonardi/Lancepress!)

O torcedor que comparecer ao Mineirão para assistir a um jogo do Cruzeiro não deve encontrar novos problemas para adquirir ingressos. A empresa contratada pela Minas Arena para a comercialização dos bilhetes não agradou à cúpula estrelada, que busca mudanças para os próximos compromissos da equipe no ‘Gigante da Pampulha’.

Após o triunfo sobre o Tombense, o presidente Gilvan de Pinho Tavares veio a público e revelou que reivindicará junto à concessionária responsável pela administração do estádio uma melhoria na venda de tíquetes para as partidas da Raposa.

– Estamos reivindicando junto à Minas Arena que eles deixem o Cruzeiro responsável pela bilhetagem, porque a empresa que eles contrataram não agrada ao clube – disse o mandatário, à TV Globo Minas.

O dirigente celeste ainda promete uma solução rápida. A expectativa dele é que, nos próximos dias, haja uma reunião entre os representantes do clube e Minas Arena para resolver o caso.

– Vamos, mais uma vez, nos reunir com a empresa para solucionar o problema da bilhetagem, porque não está nos satisfazendo.

Embora Gilvan de Pinho tenha pressa para solucionar o problema, o próximo compromisso do Cruzeiro no Mineirão será apenas no dia 24 de março, às 16h. Na data, os comandados de Marcelo Oliveira recebem a Caldense no local.

Você comentarista: