Decisão da Libertadores vale R$ 10 milhões para o Timão

Bilheteria, patrocínio pontual e prêmio oferecido pela Conmebol engordam o cofre do Corinthians

Rodrigo Vessoni - 22/06/2012 - 09:05 São Paulo (SP)

Camisas que serão usadas pelos jogadores do Corinthians nos dois jogos contra o Santos

Passar pelo Santos e chegar à final da Libertadores renderá mais do que alegria para Fiel. Bastante dinheiro também entrará nos cofres do Corinthians com essa inédita decisão do torneio sul-americana. Cerca de R$ 10 milhões é o que envolve o feito de Tite & Cia.

Chega-se a essa cifra com a somatória do que será arrecadado com bilheteria, patrocínio pontual na camisa e premiação oferecida pela Conmebol aos finalistas, que poderá ser acrescida em alguns milhões de reais em caso de título.

Em relação à bilheteria, como o preço do ingresso não deverá sofrer majoração, a renda deverá ser bem parecida com a do confronto com o Santos, que foi de R$ 2,6 milhões.

E MAIS:
Diretoria quer 4 mil ingressos na Bombonera
Análise completa do Boca Juniors (ARG)
Invicto, Timão bate marcas e mira outros recordes
Volante Cristian leva todas as camisas do Timão
LNET! acompanha dupla de fiéis na final de Libertadores

A Iveco, fabricante de veículos pesados, continuará estampando sua marca no espaço nobre da camisa. O acordo, firmado antes da semi, já previa continuação em caso de decisão. Estima-se que a empresa pagará R$ 2 mi para as duas decisões.

– A ideia é continuar essa parceria. Estamos conversando para que isso seja prorrogado por um bom tempo – afirmou o gerente de marketing do clube, Caio Campos, ao LANCENET!.

Caso a Iveco continue no espaço nobre da camisa, o valor que seria arrecado na decisão seria incorporado ao valor total do acordo, que pode girar em torno de R$ 30 milhões/ano.

Vale lembrar que a manga está vaga. É possível que a Lojas Marabraz continue sendo a dona do espaço, como ocorreu no segundo duelo com o Santos, que teve audiência recorde com a transmissão.

Em relação à premiação da Conmebol, o Timão deve ganhar R$ 1,5 milhão pela vaga na final e pode ganhar outros R$ 3,7 milhões em caso de conquista inédita desse título.

Você comentarista: