'Vestibular alvinegro' define quem fica e quem sai do Botafogo

Na avaliação do técnico Oswaldo de Oliveira, elenco botafoguense tem maioria aprovada, mas jogadores como Amaral, Lennon e Rafael Marques devem 'repetir de ano'

Núcleo Botafogo - 03/12/2012 - 07:23 Rio de Janeiro (RJ)

Jogadores - Vasco x Botafogo (Foto: Paulo Sergio)

Quase todos os jogadores do elenco alvinegro tiveram chance no vestibular do professor Oswaldo de Oliveira nesta temporada. Chegou o fim do ano e agora é hora de pegar o boletim para saber quem foi aprovado pelo mestre.

Teve quem chegou com pouca bagagem e logo tirou nota alta. Foi o caso de Dória, que entrou na “universidade” aos 17 anos e ganhou vaga no time rapidamente. Além dele, Gabriel e Jadson também vieram da base alvinegra e foram as gratas surpresas.

Quem também é novo e veio de outra escola, transferido, foi Bruno Mendes. No pouco tempo que teve, tirou nota 10 com os gols que marcou.

Se a garotada teve o boletim azul, a experiência de Seedorf também o deixou tranquilo. Com status de monitor, o camisa 10 conduziu o Glorioso dentro e fora de campo. Além dele, Andrezinho, Lodeiro e Fellype Gabriel também fecharam o ano em alta e entrarão em 2013 credenciados a serem líderes da turma.

Há também aquela galera do fundão que não se deu bem. Uns ficaram de recuperação e terão nova chance em 2013. Outros foram reprovados diretamente. Rafael Marques e Amaral tiraram nota vermelha e já sabem que terão de procurar outro clube. Acostumado com a escola japonesa, ele encontrou dificuldades de adaptação ao futebol brasileiro.

– Rafael (Marques) não vai continuar. Apesar de ser um excelente jogador, não conseguiu se adaptar. Não teve ambiente. Amaral também sairá – contou o comandante.

Lennon também não conseguiu fazer um bom ano e o clube quer emprestá-lo para ganhar experiência.

Quem fez o básico, tirou nota seis e terá mais chance em 2013 são Lima e Sassá. O lateral-esquerdo é uma das apostas do clube, enquanto o atacante deixou sua marca contra o Flamengo, sábado, no Engenhão.

Ainda tem a turma que não sabe se vai continuar. Lucas e Márcio Azevedo fizeram uma boa temporada e podem receber uma bolsa alta para sair. Há interesse na dupla e a diretoria pode negociá-los. O primeiro a sair é Elkeson, que está apenas pela assinatura do contrato para decretar sua ida ao futebol chinês.

Oswaldo quer montar uma boa turma para ganhar títulos em 2013.

MAIS GAROTOS TERÃO CHANCE EM 2013

Na faculdade alvinegra, a turma de calouros para 2013 é bastante promissora. Ao menos quatro jogadores vindos dos juniores deverão ser integrados à equipe profissional. São eles o zagueiro Kazu, lateral-direito Gilberto, o volante Dedé e o meia Gegê.

Kazu, de 18 anos, chegou a ficar no banco na última partida do Botafogo na temporada, contra o Flamengo, mas ainda não estreou. O jovem chegou a editar, no time de juniores, dupla de zaga com Dória, que hoje está nos profissionais.

Já Gilberto tem 19 anos e chegou a jogar algumas partidas na equipe principal, sempre vindo do banco, mas era promovido apenas quando o titular Lucas sofria com problemas de lesão ou suspensões.

Para o meio-campo, as apostas do Botafogo são em Dedé e Gegê, ambos de 18 anos. O primeiro atua de maneira mais defensiva, mas já mostrou ter qualidade também para avançar. Foi um dos artilheiros da equipe no Torneio Octávio Pinto Guimarães, com nove gols.

Por outro lado, Gegê é um meia mais centralizado, que também tem sido destaque no time sub-20. O jogador era o camisa 10 na base e já demonstrava bom entrosamento com Sassá e Vitinho, jogadores que têm hoje espaço nos profissionais.

EQUIPE TERÁ VOLTA DE EMPRESTADOS

Para 2013, o Botafogo ainda contará com o retorno de jogadores que foram emprestados ao longo de 2012. O setor que contará com mais voltas será o ataque: Caio e Loco Abreu retornam do Figueirense.

Os dois jogadores foram repassados ao clube catarinense no meio do ano, num momento em que o Alvinegro ainda tinha o argentino Herrera como grande nome no ataque. No entanto, o camisa 17 acabou negociado com o futebol árabe pouco depois.

Para o meio-campo, o Botafogo também terá dois retornos. Os volantes Somália e Bruno são outros cujos contratos de empréstimo se encerram em dezembro. Somália está desde o ano passado na Ponte Preta, mas não deve ter o vínculo renovado com o clube campineiro. Já Bruno foi negociado com o Joinville, que disputou a Série B, mas também retorna. Ambos têm contrato com o Botafogo até o fim de 2013.

Ao longo do ano que vem, o Alvinegro ainda deve ter o reforço do atacante Alex, emprestado ao Dibba al-Fujairah (EAU). O empréstimo à equipe árabe vai até maio e o contrato com o Botafogo, até 2014.

Você comentarista: