Com Ronaldinho, Galo vai mordido para São Paulo

Jogador fará a partida de estreia pelo Atlético-MG, que quer tirar pontos do Palmeiras e compensar o empate contra o Bahia

Frederico Ribeiro
Michael Eudes
- 09/06/2012 - 07:00 Belo Horizonte (MG)

Treino do Atletico-MG - Ronaldinho (Foto: Gil Leonardi)

O empate contra o Bahia, em pleno Independência, não estava nos planos do Atlético-MG para este início de Brasileirão. Assim, o Galo enfrentará o Palmeiras, hoje, às 21h, no Estádio Pacaembu, querendo compensar os dois pontos que escaparam no gol de empate de Fahel e somar sua segunda vitória fora de casa na competição.

Para sair de São Paulo com pontos na bagagem, o comandante Cuca finalmente poderá contar com Ronaldinho - após o imbróglio envolvendo a liberação de documentos pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj).

- Ele está com muita vontade de jogar, falou isso para o grupo todo, esperamos que ele possa jogar o mais rápido possível para nos ajudar. É um grande jogador e será de grande valia para o restante do Campeonato - disse Junior Cesar.

A presença do jogador no jogo de logo mais será mesmo especial para os outros atletas do Galo. Richarlyson, por exemplo, deixou claro que se a estreia de R49 fosse contra o tricolor baiano, a história do confronto seria diferente.

- Ele tinha tudo para jogar contra o Bahia, era essencial sua presença naquela partida. Até já percebi que ele está focado para nos ajudar. Ele está se sentido em casa no Atlético - afirmou Rick.

O volante está coberto de razão. Para se ter uma ideia, no rachão disputado ontem, Ronaldinho esbanjou alegria, marcou um belo gol e mandou um recado para a torcida: "Vim aqui para isso", disse.

Agora, é o Verdão que terá que se virar para lidar com o astral elevado da estrela atleticana!

Você comentarista: